quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Canelas de Coelho (Minhota)



Para mim, é um restaurante do dia-a-dia, na Baixa do Porto. Pequeno mas irresistível na decoração e no aconchego. Impossível não nos sentirmos bem. Pelo menos ao almoço, a escolha é simples. Há uma sopa do dia, um prato de carne e um prato de peixe. Se nenhum destes agradar, há ainda a Salada do Chef, uma Massa e um Risotto. Opto muitas vezes pela Salada do Chef. Uma salada "surpresa" que vai variando consoante os produtos que a estação tem para oferecer. Achei esta última que comi deliciosa, já que combinava duas das minhas frutas preferidas: cerejas e figos. Alface, rúcula, tomate, laranja e toranja, queijo feta, morangos, cerejas e figos com um bom vinagrete e um delicado molho pesto a acompanhar. Um sítio de regressar.

6 comentários:

turistaocasional disse...

No meu caso, um sítio para conhecer e sem dúvida, para experimentar uma salada do chefe, que a avaliar pela da foto, a surpresa agradável deve ser garantida.

Beijinhos

Lume Brando disse...

Olá Babette! Não tenho tido tempo para visitar os meus blogues preferidos (a nova vida de mãe a tempo inteiro, com várias mudanças colaterais associadas, não tem deixado), mas estive a ver os teus últimos posts e gostei bastante das receitas: o frango e o risotto de polvo estão com óptimo aspecto e são dois pratos que adoro.
Tenho ouvido falar deste restaurante, sobretudo na Time Out, mas ainda não conheço. Obrigada pela "crítica"!
beijinhos
Teresa

Mar disse...

Na hora de almoço, a comentar a tua hora de almoço:) Gosto sempre de ler apreciações a restaurantes. Principalmente neste registo, que é o de alguém que vive estas circunstâncias de uma maneira próxima da realidade comum a muita gente. Os críticos terão experiências e circunstâncias que me parecem sempre demasiado construídas. Por isso é que acredito muito mais num relato deste género. Mesmo tendo em conta o pressuposto óbvio: somos diferentes, por isso, as experiências serão necessariamente diferentes. Mas depois há todas as coisas que nos aproximam. E então, acho que sim. Acho que um dia destes, gostava de ter uma hora de almoço no Porto. Neste lugar de que pareces gostar tanto. E que acolhe as pausas dos dias de trabalho.

Um beijo de hora de almoço:)

Mar

Babette disse...

Turista:
Quem sabe se não vamos lá um dia as duas?

Tecas:
Acredito que todas as mudanças precisam do seu tempo de adaptação. Mesmo as que aparentemente nos vão permitir ter mais tempo livre.

Mar:
Sim. São tudo apreciações pessoais, nada "profissionais". Resultam de passagens breves em dias que estamos mais ou menos bem dispostos, mais ou menos sensíveis a determinados pormenores, mais ou menos disponíveis para absorver o exterior. E penso que tu talvez fosses para o risotto... um beijo quase na hora do jantar!

Babette

Sérgio Gomes disse...

Obrigado pela sugestão. Fica registada para a próxima vez que for ao Porto.

Beijos.

conceicao disse...

Tem um aspeto muito bonito.
Bjs