segunda-feira, 3 de maio de 2010

Mãe





Para Sempre

Por que Deus permite
que as mães vão-se embora?
Mãe não tem limite,
é tempo sem hora,
luz que não apaga
quando sopra o vento
e chuva desaba,
veludo escondido
na pele enrugada,
água pura, ar puro,
puro pensamento.
Morrer acontece
com o que é breve e passa
sem deixar vestígio.
Mãe, na sua graça,
é eternidade.
Por que Deus se lembra
— mistério profundo —
de tirá-la um dia?
Fosse eu Rei do Mundo,
baixava uma lei:
Mãe não morre nunca,
mãe ficará sempre
junto de seu filho
e ele, velho embora,
será pequenino
feito grão de milho.

Carlos Drummond de Andrade, in 'Lição de Coisas'

Para a minha mãe, que me lembra todos os dias que caibo sempre no seu colo…
É tão bom ter Mãe, ter Pai ... ter quem goste de nós!...

15 comentários:

Belocas disse...

A palavra Mãe é tão pequena, mas tão doce...
Um Grande Abraço!

Drica disse...

Uma semana depois, estou de volta a visitar o teu blog, e encontro uma homenagem à mãe muito interessante.

Votos de uma óptima semana gastronómica e não só.
Kisses

Carina disse...

As nossas mães são tudo de bom que temos na vida!!!!

Beijocas :)

Alice disse...

obrigado por ter visitado o meu blog..adorei este poema, Parabéns!
Alice

Mãe disse...

No meu colo nunca terás peso, a doçura de te ter no regaço compensa tudo na vida. O poema é lindíssimo, é um dos meus poetas brasileiros preferidos, grande como o nosso idioma.

Beijinho

Elisabete disse...

Que lindo Babette. Adorei, acho que define o sentimento de quem tem mãe. Beijinhos

Fatima disse...

Babete esse poema é lindo, gostei muito!
Beijinho

PAI disse...

Com três letrinhas apenas
Se escreve a palavra MÃE
Que é das palavras pequenas
Que tem o tamanho do PAI!

Beijinhos para ti e para a mãe.

Fla disse...

Com certeza.
Feliz dia da mãe para as mamães portuguesas!
Bjs

Tuquinha disse...

és uma grande sortuda.........eu não tenho nada................
se soubesses o vazio que é a falta dos pais...
mas o que conta é que continuam comigo todos os dias no meu coração...
um beijo para ti sortuda

Sónia Alexandra disse...

Obrigado por esta partilha. Eu também me sinto uma felizarda...tenho os meus pais TODOS OS DIAS comigo. E isso é únicao. Beijos grandes

Lia disse...

Que poema tão belo e frofundo, obrigada pela partilha.
MÃE,PAI E FILHO É O MELHOR QUE HÁ NO MUNDO,NÃO AMOR MAIOR!

Lia disse...

Que poema tão belo e frofundo, obrigada pela partilha.
MÃE,PAI E FILHO É O MELHOR QUE HÁ NO MUNDO,NÃO HÁ AMOR MAIOR! O tempo, teima em correr, quando nos apercebemos, eles os nossos pais, estão velhinhos...por favor aproveitem cada minuto para os mimar.~
beijinhos

Maria disse...

Um lindo poema, para um amor sem limites como é o amor de mãe.
Um beijinho

Santa Gastronomia disse...

Lindo esse poema que é de um conterrâneo meu...
Minha mãezinha eu tenho o privilégio de cuidar dela, como se fosse um cristal!
Parabéns pela homenagem!
Bjus..