quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Rabanadas do Majestic



Menti quando, neste post, dizia que não comia rabanadas em mais sítio nenhum que não em casa, pela mão da avó e agora da I. Ou melhor, é verdade, no que respeita às tradicionais rabanadas com calda. Só gosto das de leite e com as voltas que são dadas nas caldas feitas na casa dos meus pais. Mas depois há as rabanadas do Majestic. Sem calda, cobertas com ovos-moles (oh, doce pecado!....) e enfeitadas com passas, pinhões e nozes. Essa é a excepção às outras rabanadas. Por ser tão diferente, mas tão deliciosa.... E já é um ritual da Quadra: ir ao Majestic com a minha mãe e comer uma rabanada. Nesse dia até lá fomos almoçar: um creme de legumes e os seus tão apetitosos preguinhos no pão...




10 comentários:

CNS disse...

Que aspecto fabuloso! Um Bom Ano, cheio de coisas doces e salgadas e das outras que não se provam também.

panelasemdepressao disse...

Eu sou um bocadinho atípica nestas coisas do Natal. Tirando bolo rei, nada mais me agrada.Não gosto de filhós, sonhos, formigos, nem de rabanadas. De facto, o aspecto da doçaria natalícia é bonito mas tudo muito doce. Eu sou mais pelo acre ;) (como a Ilídia).
Este Natal, enquanto fazia a viagem para o Porto, pensei que podia acontecer cruzar-me com a Babette e não saber que era a Babette que visito diarimante.
Abraço

Ilídia disse...

Que delícia! Vale a pena cometer um pecado destes :) Quem sabe, quando for ao Porto, tomemos um chá ou uma limonada no Majestic ;)

Guida, a Ilídia por estes dias anda mais doce do que acre. Infelizmente :(

Mundo do Sabor disse...

Que rabanadas apetitosas, aqui são servidas sem calda, esta comm ovos moles, devem ser um manjar dos deuses!
Desejo para você amiga, um 2012 , cheio de saúde,paz e realizações!

Moira disse...

Confesso que não sou apreciadora de rabanadas, mas essas do Majestic com esses ovos moles deixaram-me com água na boca.
Aproveito para desejar um Excelente 2012, com muita saúde que é o nosso bem mais precioso.
Bj
Moira

Sophy disse...

Bom dia!!!

Este ano não fiz rabanadas, mas as que costumo fazer também são cobertas com doce de ovos e amêndoa torrada... uma verdadeira delícia...

S. disse...

Tenho de experimentar! Votos de um bom ano.

YES we Cooking disse...

Que tentação!! Quero cruzar o oceano para comer essa rabanada!
Tenha um feliz ano novo! Beijos, Cecilia

Mar disse...

Um dos meus lugares, na tua cidade. Quando acontecia uma das minhas fugas para o Porto, havia sempre possibilidade de Majestic.
E sabes, estou a pensar que não tenho memória de ter estado lá com alguém. Ia sempre sozinha. Foi sempre uma coisa silenciosa. Ocorreu-me, enquanto vos desenhava às duas. A ti e à tua mãe, ali. As duas à conversa. A cumprir um ritual de Natal. Rabanadas do Majestic. Sabes que nunca provei? Na altura das fugas não gostava de rabanadas. Agora sim. Que aprendi com o meu filho. Estás a ver como são as coisas? Ele fez com que eu aprendesse a gostar de rabanadas e tudo:)
A ver se arranjo maneira de ir provar as rabanadas do Majestic de que as minhas duas amigas gostam tanto:)

Um beijo.

Mar

Babette disse...

CNS:
Obrigada! Retribuo em dobro so votos de um bom ano!

Guida:
Será que sim, que nos podemos ter cruzado? Adoraria conhecê-la. A ver se tratamos disso numa próxima vinda à família do Porto!

Ilídia:
Fica então já combinado o ponto de encontro. Quando acontecer será no Majestic!

Moira:
Acho que assim ias gostar... Retribuo em dobro os votos de um bom ano!

S.:
Tens mesmo!!!

Meninas do outro lado do oceano:
Quase arrisco dizer que valia a pena a viagem...

Mar:
Majestic para mim é ponto de encontro e sítio a dois. Com a minha mãe, muitas vezes. Lanches ou almoços breves seguidos de outros afazeres. Com o Z. muitas vezes também. A mais especial de todas foi o meu pedido de casamento. Feito ali, no meio de um café, a um dia 13 de Fevereiro ;) E agora Majestic também seremos nós a duas. E se te despachares até terá rabanadas, que aqueles senhores não as deixam
ficar depois dos Reis!
Beijos das tuas 2 amigas! E do resto da família ;)

Babette

Sophy:
Então já sabes a delícia que é!... ;)