quinta-feira, 14 de março de 2013

Risotto de Abóbora com Favas e Espinafres



Um risotto delicioso, inspirado neste, da minha querida Mar. As primeiras favas da estação, tenras e delicadas, anteciparam o sabor da Primavera, amaciando a abóbora que dita os sabores do Inverno. O Vinho tinto fez a diferença neste risotto especial. Foi prato principal um dia destes. Um dia que ficou melhor, por um prato e um vinho que se colocou na mesa. A importância que podem ter as pequenas alegrias quotidianas...

Ingredientes (para 2 pessoas)

1 copo pequeno de arroz para risotto (arbório ou carnaróli)
1 chávena de chá de favas já descascadas

1 pedaço de abóbora-manteiga
1 molho pequeno de espinafres
1 dente de alho
margarina (2 colheres de sobremesa)
azeite
flor de sal
caldo de legumes (1/2 litro)
1/2 copo de vinho tinto

sal, pimenta
queijo parmesão

Preparação

Num tacho largo, colocar o alho picado, um fio de azeite e uma colher de sobremesa de margarina. Quando aquecer juntar a abóbora partida em pedaços pequenos e as favas  e deixar cozinhar em lume brando por uns  minutos. Adicionar o arroz e mexer bem, até que este mude de cor (cerca de 2 minutos). Deitar o vinho tinto e deixar que evapore. Juntar, a pouco e pouco, o caldo de legumes, que deve estar quente, mexendo sempre o arroz até que este absorva o líquido. Repetir a operação até que o caldo acabe. Mais ou menos a meio deste processo, juntar os espinafres. No fim de todo o caldo adicionado, o arroz deve estar cozido (mais ou menos 20 a 25 minutos). Depois de pronto, e já fora do lume, temperar com  sal e juntar queijo parmesão ralado, a gosto. Adicionar mais uma colher de sobremesa de margarina e envolver bem. Deixar tapado por uns minutos antes de servir, polvilhado com pimenta preta.


Bom Apetite!



10 comentários:

Joana (Palavras que enchem a barriga) disse...

Realmente há algo em alguns pratos que os torna reconfortantes e aconchegantes num dia menos bom, e o risotto é um deles :D

Beijinhos e tem um óptimo dia :D

delicatessen disse...

Olá Babette,

Risotto de abóbora é uma delicia, por mim dispenso as favas e os espinafres por não gostar. Mas tem um aspecto tão delicioso até era capaz de provar este risotto.

Bjs

Anónimo disse...

Olá Babette,

Mais uma vez em sintonia!

A importância das pequenas

alegrias quotidianas sem dúvida!!

E eu tenho que aprender a valorizar isso, mais, cada vez mais!

Como a magia de um prato pode fazer desaparecer ou esquecer ou atenuar AQUELAS arrelias...

Um risotto, porque não?

Para além de reconfortar, constitui um desafio pois nunca experimentei fazer.

Um beijinho Babette e votos de um excelente fim - de - semana!

Sandra Martins

Luisa Alexandra disse...

Uma sugestão bem saborosa!

Anónimo disse...

Hummm... Sempre uma sugestão bem elegante e aconchegante!

Babette disse...

Joana:
Obrigada. Espero que o teu dia tb tenha sido bom.

Delicatessen:
E eu não sou muito fã da abóbora na comida ;) Mas assim adorei!

Sandra:
Então não é? Para quê grandes cruzadas? A maior parte das vezes vamos sendo felizes nos pequenos nadas. Todos juntos somam um grande sorriso ;)))

Luísa e Anónimo:
Obrigada!

Babette

Susana Machado disse...

Que refeição maravilhosa...
Beijinhos,
http://sudelicia.blogspot.pt

Mar disse...

A tua Mar tem tido uns dias complicados. E assim, chegar aqui teve um valor desmesurado. Risotto com vinho tinto consegue ser/saber ainda melhor. O toque da abóbora. A densidade dos sabores separados, mas numa harmonia muito de risotto.
Obrigada. Queres manter aquele lugar vivo. Mesmo que adormecido.

Um beijo.

Mar

Babette disse...

Susana:
Obrigada1

Mar:
Aquele Mar está vivo e presente no meu quotidiano, como sabes. Mais ainda por saber que há por lá pratos assim inspiradores...

Babette

Babette disse...

Susana:
Obrigada1

Mar:
Aquele Mar está vivo e presente no meu quotidiano, como sabes. Mais ainda por saber que há por lá pratos assim inspiradores...

Babette