segunda-feira, 1 de junho de 2015

Junho




Começa o mês que faz começar o Verão. E isso, só por si, já é de celebrar. Antecipar os dias melhores, os dias de sol, compridos, em que parece caber sempre mais um bocadinho de tempo. Os dias dos meses quentes estão aí. E isso pede cor e alegria à mesa. Um jantar com as cores de Portugal e com o sabor do nosso mar. Amêijoas brancas de captura, coentros, queijo da Ilha, bolo de chocolate com amêndoa. E um enorme sorriso por tudo o que temos. Por tudo o que somos. Tão privilegiados por viver na metade mais abençoada do planeta. Tão agradecidos por andar aqui. Felizes só por isso, que é tanto.




5 comentários:

Ana disse...

Bom dia, Babette.
É isso mesmo. Um sorriso franco e agradecido por estarmos aqui. Por termos tanto. Uma mesa de festa, de celebração da vida e da família. Tão bonita.
Uma boa semana.
Bjs
Ana

Anónimo disse...

Olá Babette,

Desta vez não comento a mesa, comento as palavras.

Tão sábias!

Eu que tenho andado com a cabeça cheia de preocupações. Palermices, reconheço.

Num piscar de olhos tudo o que agora se afigura grande e grave, se pode tornar uma ninharia.

Sim, dar valor a quem temos e ao que temos. Sempre.

Obrigada por me relembrar isso! Teimosa que sou! E tonta.

Um beijo do Algarve, já com sabor a praia

Sandra Martins

Babette a festa de disse...

Ana,
O mais importante! Celebrar a vida, a mesa, a família, tudo isso!
Boa semana.

Sandra,
Escrevi estas palavras depois de no domingo à noite ter visto um filme/documentário sobre o fotógrafo Sebastião Salgado. As fotos e as histórias que ele captou do Brasil, de África, da ex-Jugoslávia mexeram comigo. E relativizei as minhas coisas. Também tenho tido coisas que me têm dado preocupações... mas nesse momento também me senti tonta. Relativiza-se tudo quando aparecem à nossa frente tamanhas desgraças. Aqueles olhares... impossível ignorar!
Um beijo ao sul

Babette

Mar disse...

Junho já está a ser. E é bom que comece também assim: à mesa. Com flores de cores quentes. E com tudo o que é promessa de Verão. O tal Verão que é possível em todo o lado. A natureza, com tudo o que tem de tão superior, parece lembrar-nos permanentemente essa noção.

Um beijo.

Mar

Babette a festa de disse...

A vida e os seus ciclos contínuos ;) Já é quase Verão outra vez... Flores coloridas e uma mesa é uma boa forma de começar, sim.
Outro beijo
Babette