terça-feira, 26 de abril de 2011

Casa da Comida



No meu aniversário, a minha mãe ofereceu-me um livro de culinária absolutamente "delicioso". Chama-se "Quatro Estações na Casa da Comida", da Everest Editora. Um livro que separa, por Estações, as receitas do Restaurante lisboeta "Casa da Comida", o restaurante fundado pelo actor Jorge Vale. Sobre o livro, também de Jorge Vale,  falarei numa outra ocasião.... Para já, fica a "foto-reportagem" da minha ida, na semana que passou, a esse "clássico" dos restaurantes portugueses, que agora tem por Chefe Bertílio Gomes. Trata-se de um restaurante requintado e ao mesmo tempo acolhedor. Um espaço clássico, um serviço atento e cuidado e uma qualidade de ingredientes irrepreensível. Um jantar perfeito em Lisboa. 


Enquanto que eu escolhi apenas um prato de peixe, o Z. optou pelo Menu Tradição, uma forma de conhecer um pouco mais da oferta deste Espaço. Para entrada, Camarão na Frigideira com malagueta e tosta de legumes. A conversa estava animada, e a foto do Camarão foi esquecida... Seguiu-se:


Linguado com Empadão de Sapateira

 Naco de Bacalhau à Lagareiro

 Coxa de Galo com Lasanha
 do Cozido à Portuguesa

Trilogia de Doces Conventuais (Sericaia, Papo de Anjo, 
Pudim Abade de Priscos) e Sorbet de Limão

6 comentários:

dryka disse...

Huuuummmm...

O mennú tem muito bom aspecto, mas a Triologia de doces conventuais é de lamber os "beiços" hihihih

até faz crescer agua na boca.

Parabéns pelo Post

Bjinho
Claudia

Filipa disse...

AHHHH!Pecado da gula! Eu confesso-me! Que delicias!!! Um beijinho :)

Fla disse...

Nossa que apresentação mais linda!
Adorei.
Bjs

Mar disse...

Uma memória perfeita que aqui deixas. Para partilhar. Para sabermos que existe mais um templo em Lisboa. Já estive para comprar esse livro delicioso várias vezes. Julgo que esta descrição será um incentivo para que sim. Para que venha para a minha casa. Ao restaurante também tentarei ir. A tua descrição dá vontade de conhecer.

Um beijo.

Mar

Lusitana disse...

Que bom, ter finalmente conhecido este belo restaurante! Tem atrás a história de, bem atenta, contar com a Mãe para a ajudar a completar a sua "cultura" gastronómica! Pois se temos coisas portuguesas tão boas...
Beijinhos

Mariana disse...

Eu prefiro antes de que me regalem um livro, que pecam para o meu aniversário delivery em moema assim ninguém tem que cozinhar.
Igualmente, não seria nada mal aprender a cozinhar assim como você!