segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

Arroz de Robalo com Coentros


É impossível não ser assim. O respeito pela comida fala mais alto. As sobras de qualquer refeição são sempre aproveitadas, umas vezes servidas de forma simples, igual à inicial, e outras tantas revisitadas noutras preparações. Deste almoço tão saboroso sobraram tesouros: lascas de peixe, água de cozer os grelos e coentros muito frescos. Foi o jantar de um outro dia: um arroz malandro de robalo com coentros e sabor a grelos. De-li-ci-o-so!

Ingredientes

1 chávena de chá de arroz carolino
3 chávenas de chá de água de cozer grelos
1 molho de coentros
1 cebola
azeite, sal
lascas de robalo assado

Preparação

Num tacho refogar uma cebolinha picada num fio de azeite por uns minutos. Colocar de seguida o arroz e deixar fritar um pouco. Adicionar então a água de cozer os grelos (quente) e rectificar o sal. Quando começar a ferver, baixar o lume e deixar cozinhar por uns 13 minutos. Um ou dois minutos antes, juntar as lascas de peixe e os coentros picados. Servir de imediato.

Bom Apetite!

14 comentários:

Ana disse...

Cá em casa também é assim. Aproveita-se na forma original, mas na maior parte das vezes faz-se um novo prato, tão saboroso ou melhor que o primeiro. Já têm surgido receitas novas nestas andanças de aproveitamentos, que de outra forma era improvável serem experimentadas. Respeita-se a comida, o trabalho, melhora-se a economia e espicaçasse a criatividade.
Uma boa semana e bons preparativos para acolher o Natal.
Bjs
Ana

Babette a festa de disse...

É isso tudo. E com pouco se faz tanto, a maior parte das vezes!
Um beijo doce.
Babette

Anónimo disse...

É bom ver que a festa de Babette continua, quer chova quer faça Sol. É boa essa constância e essa certeza!

O arroz tem um aspeto muito saboroso e é de louvar os aproveitamentos.

Votos de um Bom Natal,

Tulipa;)

Anónimo disse...

Olá Babette,

É isso mesmo, sem tirar nem pôr: nunca estragar.

E afinal o que para muitos é lixo, pode tornar-se numa refeição muito boa e rápida, pois é só aproveitar o que já está feito.

Mas, hoje não comento só por isso.

Nas suas respostas dá a entender que algo não está bem.

Espero que não seja nada de grave?

Seja o que for, desejo do fundo do coração que passe depressa!

Aproveito também para desejar um Santo e Feliz Natal, que sirva para sair mais forte dessas partidas que a Vida prega (como é verdade isso!).

Um beijo do Algarve,

Sandra Martins

Babette a festa de disse...

Tulipa,
Obrigada pelas palavras

Sandra,
A ver vamos. Um problema de saúde... Para já a rezar para ver se evito uma cirurgia. ..
beijo

Susana Machado disse...

Optimo aspecto!
Beijinhos
http://sudelicia.blogspot.pt/

Babette a festa de disse...

Susana,
Obrigada

Anónimo disse...

Feliz Natal e as melhoras!
Beijos
Ana Rita
Ps: o blog continua muito giro

Mariana Teixeira disse...

Babette, sou de poucas palavras, comentários ainda menos mas não é por isso que deixo de visitar, admirar e me inspirar em certos blogs e este é uma referência para todas nós bloggers e amantes de boa comida.

Deixo um abraço fraterno, vou rezar para que tudo de menos bom consigo se resolva da melhor maneira, e deixar os meus votos de um Santo e Feliz Natal junto dos seus com muita paz, saúde e harmonia.

Babette a festa de disse...

Ana Rita,
Obrigada!

Mariana,
Obrigada pelas palavras de uma visitante silenciosa ;) o mesmo abraço fraterno. Um beijo de Boas Festas! e obrigada por vir aqui...

Miss Smile disse...

O segredo é exatamente esse: transformar cada refeição numa festa para os sentidos!

Mar disse...

Estava aqui a pensar na nossa conversa de telefone, a propósito deste peixe:)

E, ao mesmo tempo, a pensar que foi bom sentir a tua voz melhorzinha, hoje. Vai correr tudo bem, que eu sei. Encontrei ontem uma joaninha e tudo e dizem que isso é bom sinal. Quero que reverta para ti, que eu não tenho sorte nenhuma, nem que tropece em joaninhas.

Outro beijo grande.

Mar

foodwithameaning disse...

O mote é mesmo aproveitar, ou melhor, saber não estragar e inovar. a cozinha tem dessas alquimias, nas mãos de algumas cozinheiras, é facto. E agradou-me muito este aproveitamento que reitera que do pouco se pode fazer muito, apresentando-se algo novo e muito saboroso.
Que o novo ano nos ensine a aproveita o que a vida nos oferece de bom e a saber tirar conclusões sobre os eventos menos positivos. Tudo é aprendizagem.
Desejo também que as festas sejam felizes em família.
Beijinhos grandes aqui da ilha.
Patrícia (foodwithameaning)

Babette a festa de disse...

Mar,
Vou aceitar essa joaninha :-) e continuar a acreditar que vai ser possível melhorar. Entretanto ser feliz com tanto que se tem. Eu e tu.

Patrícia,
Uma noite bem bonita para todos! Bjs grandes

Babette