segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Risotto de Bacalhau e Grelos com Tomate Seco



Um Risotto delicioso. Com os sabores próprios da quadra que se encerrava precisamente em Dia de Reis: bacalhau e grelos. Revisitados num risotto que ainda pediu tomate seco, para somar texturas e sabores. Um risotto rico que mereceu destaque num dos primeiros almoços do ano. A finalizar esse almoço, umas fatias de pão-de-ló com doce de pêra. Chá e café a acompanhar, e conversas pela tarde fora.

Ingredientes

2 copos pequenos de arroz para risotto (arbório ou carnaroli)
1 lombo de bacalhau
1 dente de alho
1 chalota
1 molhinho de grelos
3 tomates secos hidratados em azeite partidos em cubinhos
manteiga (3 colheres de sobremesa)
azeite
água de cozer o bacalhau (1/2 litro)
água de cozer os grelos (1/2 litro)
1 copo de um bom vinho branco
queijo da Iha ou Parmesão ralado (dizem que facultativo nos risottos de peixe ou marisco, mas obrigatório para a Mar ;))

Preparação

Cozer o bacalhau em água apenas fervente por 17 minutos. Escorrer, guardando a água da cozedura e lascar o bacalhau em pedaços grandes. Cozer os grelos num pouco de água com sal por 15 a 20 minutos, escorrendo de seguida e aproveitando também a água da cozedura. Num tacho largo, colocar o alho picado e a chalota também picada, um fio de azeite e duas colheres de sobremesa de manteiga. Quando aquecer juntar o arroz e mexer bem, até que este mude de cor (cerca de 2 minutos). Deitar o vinho branco e deixar que evapore. Juntar, a pouco e pouco, a água de cozer o bacalhau e a de cozer os grelos, que devem estar quentes, mexendo sempre o arroz até que este absorva o líquido. Adicionar, a meio do processo de cozedura, o bacalhau lascado, os grelos e o tomate seco picadinho. Continuar a juntar os caldos até que acabem. No final deste processo o arroz deve estar cozido (mais ou menos 20 a 25 minutos). Já fora do lume, juntar uma colher de sobremesa de manteiga, o queijo (se se pretender) e envolver bem. Deixar tapado por uns 3 minutos antes de servir.

Bom Apetite!



7 comentários:

Tertúlia da Susy disse...

Que belo almoço, tudo muito bom e de ótimo aspeto.
Boa semana, kiss
Susy

Bolo ao Cubo disse...

Que bom aspecto e que boa junção a dos grelos com o bacalhau ! Um mês depois dos Reis os grelos e os espigos estão em força e dão muita força aos pratos de bacalhau !
Linda a maneira de apresentar o pão de ló com o doce de pêra!
Obrigada pela ajuda, hoje vai ser a minha versão: arroz de bacalhau e grelos !
Beijinhos daqui da serra, com sol !
da Pipinha

Luisa Alexandra disse...

Gosto bastante de risotto e o que mostras tem um óptimo aspecto!

Mar disse...

Lá por deixado de actualizar o blog, não quer dizer que de vez em quando, não venha escrever aqui:)
Esta é uma das circunstâncias em que sabe mesmo bem subverter as regras. Risotto pede Parmesão, under any circumstances:)Aquela untuosidade boa, quase voluptuosa é, em grande parte, consequência da parte final: manteiga + Parmesão (ou o queijo que nos apetecer). Por isso, ignoro ostensivamente as receitas que negam esse prazer:)
Ficou com um aspecto delicioso. E os créditos são teus ou do teu especialista em risottos:)?

Um beijo.

Mar

Santa Gastronomia disse...

Que beleza, Babette, risotto e bacalhau! Só não conheço o grelo, mas tudo bem, tá divino assim mesmo, hehe..

Bjinhus..

Lurdes Losquinhos disse...

Tem um aspeto delicioso!
Bjs

Babette disse...

Susy:
Obrigada!

Pipinha:
Que te saiba bem, esta versão invernosa de um arroz saboroso ;)

Luísa:
E o sabor é delicioso!

Mar:
Para este post até te deixei um isco ;) E sim, para ti muito parmesão ou queijo da Ilha. Pressupõe, como dizes, e pronto! Como em todos os risottos, eu fui o cérebro e o Zé executou ;) Uma parceria, e não é público-privada ;)))

Santa Gastronomia:
Os grelos têm um sabor forte maravilhoso e combinam muito bem com o bacalhau

Lurdes:
O sabor não lhe fica atrás...

Babette