segunda-feira, 25 de junho de 2012

S. João



Voltou a ser um S. João em família... Com sardinha boa e companhia ainda melhor. Os rituais que se vão mantendo e incutindo nos mais novos. Durante a tarde, os meus três rapazes foram comprar os balões para lançar à noite e um manjerico. Todos os anos o meu Z. me oferece um manjerico. Mais um, então, que ficou a dar cheiro e cor à nossa casa. Enquanto isso, eu preparava a sobremesa para mais logo. Os balões foram lançados, no meio de muita excitação. O do D. vermelho e o do R. laranja. Pontos de luz no céu a somar a outros que já lá iam. Palmas, euforia e desejos pedidos em voz alta, enquanto os balões rumavam ao céu. O D: "Quero ser mágico". O R.: "Quero que a minha vida seja só brincadeira". Martelinhos e fogo de artifício visto da casa branca. Uma noite de S. João feliz!...




9 comentários:

são33 disse...

UMA MESA CHEIA DE COISAS BOAS.
BOA SEMANA
BJS

Vera Ferraz disse...

Adoro passar por aqui, sinto a família mais próxima, não sei porquê.
Boa semana!!

Lume Brando disse...

Quando era pequena, também não faltavam balões e fogo de artifício lançado de casa de uma prima onde vamos sempre. Este ano levámos os miúdos pela primeira vez à baixa e deliraram!
Esta mesa estava apetitosa :)

Beijos
Teresa

turistaocasional disse...

Pois eu nao andei na folia do S. Joao... Que nostalgia!!!

Tu nunca foste muito de ir para a Ribeira e para os bailes de Miragaia, pois nao?

Eu em contrapartida acho que nunca lancei um balão.

Cada um tem e cria as suas tradições. Algumas das minhas tiveram que se alterar e outras foram guardadas no bau das memórias, como as associadas ao S. João no Porto.

A mesa esta muito bonita e o caldo verde elucida bem o mote da refeição.

Beijinhos

frango do campo disse...

que mesa bonita e apetitosa:)adorei :)
este ano festejei na rua, o S.João em pleno e lancei um balão :)

Mar disse...

Uma das coisas curiosas: nunca vivi um S. João no Porto. Apesar de a minha vertente boémia se declinar muito na tua cidade. Mas nunca no S. João. Não calhou, umas vezes. Não me apeteceu, outras. Aquilo que acho mais bonito, em todo o caso. Esse ritual dos balões. Tão poético. Com desejos formulados. A voar. A irem para longe. Para não sei onde. Lindo. Isso e a maneira como vives essa noite de euforia colectiva. Acho que preferia assim. Aquele imaginário dos martelinhos não me diz assim muito:) O mundo é diverso. E ainda bem que assim é.

Uma boa semana, minha Babette.

Mar

PS: Já vi o teu email. Grazie:)

life in paradise disse...

Um S. João bem animado e com mesa farta como se quer!! Pelo Paraíso também houve festa e balões noite dentro!
Beijinhos

7gramasdeternura disse...

Sem dúvida um S. João bem delicioso! Essa mesa só tem coisas boas:
bjs

Babette disse...

São 33:
Obrigada!

Vera:
Que bom, o que disse... Obrigada. Eu também gosto de a ver por aqui...

Teresa:
O nosso sempre foi assim para o caseiro... Muita confusão não é connosco ;)

Turista:
Sim, as tradições vão-se fazendo... As nossas sempre mais caseiras ;)

Frangodocampo:
Adoro a parte de lançar o balão!

Mar:
Fica então combinado um S. João no Porto! Na versão caseira, com um balão para o António lançar! Um beijo

Babette