quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Das Férias II - Munique e Baviera



Depois das férias nas praias do Sul e de uns também muito saborosos dias em casa, as férias continuaram por outras paragens: Munique e Baviera. Os meninos estavam entusiasmadíssimos com a viagem e nós também. 




Adorámos o que vimos. Paisagens deslumbrantes, vilas encantadoras, um castelo de fazer cortar a respiração. A Baviera é uma região linda e vai voltar a pena regressar um dia para a conhecer melhor. Munique, por seu lado, é uma cidade muito bonita, com um charme muito próprio. Um centro lindo, pessoas simpáticas, comida saborosa, museus muito interessantes. O tempo ajudou e muito, pelo que regressámos com a mala cheia de boas recordações. 



E aos meus meninos, a certeza de que continuo a dar-lhes mundo. A despertar a curiosidade e a atenção para o que os rodeia. É tão grande esta aldeia global em que vivemos. Por isso sim, o mais que pudermos. Conhecer bem o nosso país mas também outros mundos. Eles hão-de agradecer e perceber como são afortunados...

7 comentários:

saborescomhistoria disse...

Bom dia Babette. Eu penso igual, devemos dar-lhes a conhecer o mundo. ESte ano decidi fazer a primeira viagem, apenas 3 dias, mas serviu de trampolim para as próximas que virão. Porque sim, porque as crianças e os gostos educam-se e só lhes prporcionando momentos assim teremos a certeza que um dia irão, de facto agradecer.

Mar disse...

Gosto sempre da maneira sensível como colocas as coisas. Aproximamo-nos em muitas coisas, felizmente. E também nesta noção de que há uma componente de dádiva que se pode ensinar aos nossos filhos. Um dos sentidos de educar passará por aí, acho. Por lhes dizermos que têm sorte. Que podem algumas coisas. Mas que isso lhes deve reforçar a capacidade de olharem para o mundo e de (se)relativizarem, pelo que lhes é acrescentado.
Li o teu post agora mesmo. Depois de ter publicado o meu. Apercebi-me que poderia haver um equívoco. Parece que se opõem. E não. És uma pessoa boa. Fazes coisas boas e nada em ti é para "esmagar". Nada de equívocos que não possam desfazer-se. Falamos com honestidade uma com a outra. A nossa amizade pressupõe assumir fragilidades, limitações.
Uma das coisas boas dos afectos é ficarmos felizes pelas coisas boas que vão acontecendo. Como esta viagem que vos fez bem. Faltava ver as imagens. Muito bonitas. Cheias de céus, água e edificações. Viajar um bocadinho pelo teu olhar, então. Obrigada por isso. Desta vez, coincidimos aparentemente ao contrário:) Acontece. Tudo coisas de que falámos ontem, longamente. Fizeram-me pensar. E depois escrever. Lá. E aqui. Com urgência. Por ser urgente dizer que o teu registo é sensível.

Um beijo.

Mar

Ondina Maria disse...

filhotes com sorte :)

turistaocasional disse...

Eu adoro Munique e a Baviera, mas isso não é uma novidade para ti. Esta é mesmo uma região muito rica e diversa em termos turísticos, culturais (e outros mais). Espero que tenhas ficado com vontade de regressar para continuar a explora-la, vezes e mais vezes sem conta.

Foi interessante ao ver as tuas imagens, colocar a legenda mental em cada uma delas (excepto a rua com as várias lojas comerciais, que pode ser em vários locais ;-) e não sei exactamente qual).

Beijinhos ainda de férias

Babette disse...

Saborescomhistoria:
Penso que sim. Educar mostrando-lhes mundo e ensinando que são uns privilegiados por poder fazê-lo.

Mar:
Educar dando-lhes um ainda maior sentido de responsabilidade. Que saibam aproveitar bem os momentos que lhes podemos proporcionar. Há momentos comentei o teu post. Aparentemente não coincidente. Sabes que sim. Que fico muito feliz com o bem que me rodeia. Pela felicidade dos que me são próximos. Partilhar a alegria para a multiplicar e dividir as tristezas para melhor as suportar. Lá escrevi mais coisas ;)
Um beijo com muita amizade.

Ondina
E de que maneira ;)

Turista:
As casinhas coloridas são em Ingolstadt ;) Gostámos tanto que ficámos para jantar!

Babette

Joana disse...

Estive em Munique 4 dias em Abril e adorei :)
Vou voltar agora em Setembro para passear com a família pela Alemanha, aterramos em Munique e seguimos por aí fora até Berlim!
Em Abril não fui ao neuschwanstein castle. Achas que vale a pena? Quanto tempo demora?
Beijinhos

Babette disse...

Joana:
Foi um dos dias mais bonitos, o da ida ao castelo! Vale mesmo a pena. Se reservares os bilhetes pela internet poupas um kilometro de fila e tudo se torna mais rápido! O site que usei para o efeito é: www.ticket-center-hohenschwangau.de. Podes e deves resevar o audioguide em português. Se saíres de munique às 10h e reservares a entrada para as 13h ou 13h30, por exemplo, fica despachada às 14h30. (na viagem de regresso podes entrar na Áustria e tens vistas sobre os Alpes deslumbrantes!... é de lá a ultima foto, com os barcos e a água do degelo dos Alpes). Espero ter ajudado.
Babette