segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

Molho de Malaguetas com Vinagre e Limão




O meu pai cultiva piripiri na varanda desde que me lembro. A minha irmã, com 3 anos de idade, adorava comer bolachas de água e sal com molho tabasco. Por isso, não é de estranhar que as receitas de molhos caseiros de piripiri abundem lá por casa. Curiosamente eu, desde que estive grávida, perdi um pouco a tolerância à comida picante. Este molho, no entanto, é tão leve e aromático que eu vou usando aqui e ali. Como se pode ver, o frasco já passou de meio...

Ingredientes (para um frasco de vidro)


o equivalente a meio frasco de malaguetas vermelhas
1 pedaço de cebola (cortado em tiras fininhas)
1 pedaço de casca de limão (cortado em tiras fininhas)
2 dentes de alho (cortados em tiras fininhas)
1 folha de louro 
sal q.b.
vinagre de vinho branco q.b.
azeite q.b. 

Preparação

Lavar muito bem as malaguetas e retirar o pé. Fatiar metade delas e colocá-las num frasco de vidro, previamente lavado e fervido. Colocar também as malaguetas inteiras. A quantidade de malaguetas usada deverá ocupar apenas meio frasco. Cortar a cebola, os dentes de alho e o pedaço de casca de limão em tiras muito pequenas e fininhas. Retirar o veio à folha de louro e partir em dois pedaços. Colocar tudo dentro do frasco e adicionar um pouquinho de sal. Agitar muito bem o frasco para misturar os ingredientes. Por fim, encher o frasco com 1/3 de vinagre e 2/3 de azeite. Fechar muito bem o frasco e se conseguir, espere uns 15 dias antes de o usar. Nós assim o fizemos, e achámos delicioso! 

Bom Apetite!



9 comentários:

Miss Smile disse...

Apesar da minha idade, não dispenso um pouco de picante na comida. Esta receita é a minha cara!

Anónimo disse...

Olá Babette,

Parece-me muito bem esta ideia!

O meu marido gosta de umas gotinhas de picante na comida.

Eu uso as malaguetas ou piri - piri e pimenta.

Costumo também congelar as malaguetas e depois uso normalmente.

Hei-de lembrar - me deste molhinho!

Quando aos filetes do post anterior, também gosto muito. Com toda a franqueza, deixo de fazer por serem fritos. Utilizando o forno para a confecção, resolvo essa questão.

Por isso, só há motivos para agradecer!

Um beijo do Algarve e votos de boa semana,

Sandra Martins

Ana disse...

Olá, Babette.
Cá em casa usamos picante, normalmente tabasco ou malaguetas que, como a Sandra, congelo. Não gosto da comida muito picante e este molho parece-me bom e deve ser muito aromático. Está na lista para experimentar.
Boa semana.
Bjs
Ana

Babette a festa de disse...

Miss Smile,
Vai gostar certamente!

Sandra,
É capaz de gostar desta versão aromática a saber a limão. Quanto aos filetes, não deixe de experimentar. São mesmo bons!

Babette a festa de disse...

Ana
Vai ver que é muito especial esta combinação.
b j s
Babette

Mar disse...

Sabes bem que este não é mesmo o meu departamento. Só chego à parte de usar uma malagueta e depois de lhe retirar uma parte substancial das sementes:) Os gostos e as sensibilidades fazem os seus caminhos.

Mas sei que quem percebe e gosta destas coisas, se perde pelo sabor picante que dá vontade de beber muita água.

Estas coisas fazem-me lembrar o teu Zé e o picante de Lagos:)

Um beijo.

Mar

Babette disse...

Mar,
A matriz deste molho foi mesmo a tentativa de o Zé recriar o molho picante que lhe trouxeste de Lagos ;) Ficou mais suave, e por isso consegui provar ;)
Um beijo grande!
Babette

Susana Machado disse...

parece-me optima esta sugestao!
Beijinhos,
http://sudelicia.blogspot.pt/

Babette a festa de disse...

Susana,
É mesmo!
Bj